A ÉTICA DA MALANDRAGEM

Você está em: Dica de Livros

A ÉTICA DA MALANDRAGEM

SINOPSE

Existem dois Congressos, escreve Lucio Vaz neste livro polêmico e arrasador. Um deles o oficial, digamos assim é capaz de fazer uma Constituição, aprovar o impeachment de um presidente, lutar contra a ditadura, fazer leis para o país crescer. O outro subterrâneo, revoltante, criminoso vende votos, aluga mandatos e legendas, emprega parentes, toma dinheiro de humildes funcionários, exige cargos e verbas do governo federal, assalta empresários (que aceitam as regras deste jogo sujo) e até trafica drogas. É desse submundo que este livro trata. Seu autor, o jornalista Lucio Vaz, 47 anos, passou os últimos 20 anos de sua vida em Brasília, trabalhando basicamente para os jornais Folha de S. Paulo e Correio Braziliense. Suas reportagens base para o pavoroso relato deste livro tratam de temas sombrios, revoltantes. Lucio Vaz investigou denúncias envolvendo deputados, senadores e governadores em 26 Estados. Da pequena e violenta Canapi, em Alagoas de onde foi expulso por jagunços, de Marabá, no Pará onde políticos escravizavam meninos de oito anos; de Porto Velho, em Rondônia onde um senador acusado de envolvimento com o narcotráfico acabou fuzilado na véspera de uma eleição, aos próprios ambientes do Congresso Nacional onde se consomem 15 quilos de cocaína por mês, Lucio Vaz vai enumerando histórias de arrepiar os cabelos.

 

DETALHES DO LIVRO

Autor: VAZ, LUCIO
Editora: GERAÇÃO EDITORIAL
Edição: 1
Ano: 2005
Número de Páginas: 232

Mais conteúdos de Dica de Livros: